domingo, 3 de outubro de 2010

Oração aos arrependidos...

Fragor erótico da noite

Brisa enregelada

despertando lépidos leões

rugindo às nobres nuvens mensageiras

Taciturnas serpentes

abrindo as portas do delírio

com os viciados dados

do jogo da loucura

Adentra

pela senda dos porões

da amargura

Exposta pelos fátuos devaneios

“A caravana dos sátiros”

Inquietos habitantes

Luxuosos

Solitários

Olhos estranhos

gázeos e castanhos

Cães farejam

o espólio negro

dos ideais perdidos

e escondidos

no labirinto árido e descrente

de nossas mentes

navegando

pelos rios hipnóticos

da auto destruição

Donzela iridescente

Benevolente

Imaculada

Alma abortada

pela oração carnal

do fétido pastor

Desperta Sol...

Arcanjo sagrado

Cingido

pelos raios infantes

da abóbada flamejante

Acende as luzes do dia

Solo fértil do viver irradia

Beija a seiva doce do girassol

Engendra a regozijante

melodia do rouxinol

Movimenta os peões humanos

neste tabuleiro surreal

gerando a maviosa

alquimia do amor

Com o estilhaço fulvo

de seus pedaços

afasta o desditoso

cálice da dor

fantasiando com júbilo

as infindáveis avenidas

de nossos encalços...

11 comentários:

jefhcardoso disse...

Evandro, parabéns pela publicação de seu livro de poesia e sucesso em sua caminhada, poeta!

Quero aproveitar e lhe convidar para ler “O Candidato” no meu http://jefhcardoso.blogspot.com
Será um prazer lhe receber.

“Para o legítimo sonhador não há sonho frustrado, mas sim sonho em curso” (Jefhcardoso)

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Poema bem trabalhado e repleto de meandros...alguns indecifráveis!

Gosto do seu estilo!

Um abraço!

Sonia Regina.

Malu disse...

Bela oração poética, Evandro !



BjO e obrigada pelo carinho...

Kátia disse...

Olá!!!
Parabéns pela publicação do seu livro!
Obrigada pela sua visita no meu blog.
Seja sempre bem vindo.
Beijos!

Curiosa disse...

a capa do livro já arrasa ...
ficou linda a tua foto!
parabéns pela publicação ...
eu gostei muito de tudo ...
beijos, querido ..

VELOSO disse...

Parabens sempre poeta!

Fabiane Aline disse...

Oi amigo, tudo bem? Eu já te sigo faz um tempo, o meu blog Fabiane Aline foi fechado. Agora me encontro em um novo endereço caro poeta:
http://embuscadasensibilidade.blogspot.com/
Aguardo vc lá. Beijinhos.

Fabiane Aline disse...

Eu agora percebi que vc publicou um livro, parabéns. Amei a capa. O conteúdo só lendo. Porém, se for igual o conteúdo do blog com certeza vou adorar. Beijos poeta.

Hana disse...

Adorei esta oração em forma de poesia, hora vejo que aqui esta tudo mega perfeito.
com carinho
Hana

Iara Moura disse...

Ótimas poesias, também gostei muito do seu estilo. E além disso, por me chamarem de lunática me identifiquei muito com o espaço. Rs
Li aqui que já publicou um livro. Que bacana!
Queria um dia, publicar um também. Mas eu só tenho 17 anos e ninguém leva muito a sério as minhas viagens pelas palavras, e agora terminando o terceiro ano e fazendo escolhas mais concretas vou me distanciando cada vez mais do que eu gosto, que é escrever; o mercado de trabalho nessa área não tem me confortado e ninguém me apoiaria se resolvesse investir nisso, infelizmente. Às vezes penso que criei o meu blog só pra que alguém leia e me diga: 'legal, não, você não é estranha por escrever poesias. Calma, alguém no mundo vê as coisas sob o mesmo aspecto que você. Claro, você pode mudar o mundo!' ...
Continuarei acompanhando seus posts.
Todo o sucesso do mundo pra você, um beijo.

Iara Moura disse...

Ótimas poesias, também gostei muito do seu estilo. E além disso, por me chamarem de lunática me identifiquei muito com o espaço. Rs
Li aqui que já publicou um livro. Que bacana!
Queria um dia, publicar um também. Mas eu só tenho 17 anos e ninguém leva muito a sério as minhas viagens pelas palavras, e agora terminando o terceiro ano e fazendo escolhas mais concretas vou me distanciando cada vez mais do que eu gosto, que é escrever; o mercado de trabalho nessa área não tem me confortado e ninguém me apoiaria se resolvesse investir nisso, infelizmente. Às vezes penso que criei o meu blog só pra que alguém leia e me diga: 'legal, não, você não é estranha por escrever poesias. Calma, alguém no mundo vê as coisas sob o mesmo aspecto que você. Claro, você pode mudar o mundo!' ...
Continuarei acompanhando seus posts.
Todo o sucesso do mundo pra você, um beijo.